Início. Notícias. Humor. Ciência. Política

TV TAE

Loading...

SAUDAÇÕES PALESTRINAS

"A vida é uma carroça!"

4 de fev de 2010

Atendendo a pedidos!

Eu não queria começar falando de política, para que os colegas, não ficasssem dizendo que estou puxando sardinha pra uma certa ministra, a qual acho extremamente competente e melhor opção pra eleição de 2010. MAS, contudo, entretanto, todavia, as pessoas acabaram questionando o fato de eu não ter colocado muita coisa a respeito.

Assim, atendendo a pedidos, reproduzo do Viomundo, que reproduz de outras fontes, o seguinte texto:

Eurasia Group: Leve vantagem de Dilma
Atualizado em 03 de fevereiro de 2010 às 20:35 Publicado em 03 de fevereiro de 2010 às 20:26
Essa notícia foi dada pelo Estadão, a partir da agência Bloomberg:
Consultoria norte-americana aponta Dilma como favoritaEmpresa especializada em pesquisa de risco político vê ministra em vantagem sobre Serra

SÃO PAULO - A empresa de consultoria norte-americana Eurasia Group, especializada em pesquisa de risco político, apontou a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, como favorita entre os pré-candidatos à sucessão presidencial, como foi antecipado pela agência Bloomberg em seu site.O relatório do diretor para a América Latina, Christopher Garman, publicado nesta terça-feira, 2, indica que as eleições deste ano "certamente prometem ser muito competitivas, mas a candidata do presidente Lula, Dilma Rousseff, deve ser considerada favorita".
Não se trata, propriamente, de uma novidade.
O presidente do Eurasia Group mantém um blog no site da revista Foreign Policy, em que dá seus palpites:
No dia 2 de fevereiro, falando sobre 2010 na América Latina, Ian Bremmer escreveu:
"A notícia verdadeiramente interessante deste ano está no Brasil, onde a riqueza do petróleo e a popularidade do presidente Lula seduziram o governo a adotar uma política macroeconômica menos disciplinada e uma visão mais estatista dos investimentos estrangeiros e dos setores econômicos estratégicos. O sucessor presidencial preferido de Lula, Dilma Rousseff, deve ser considerada levemente favorita para vencer. Se ela o fizer, vai aprofundar o envolvimento estatal na economia do Brasil. Se o candidato da oposição José Serra vencer, veremos menos favorecimento de empresas estatais e uma política fiscal mais apertada. Quem quer que vença, há um setor obviamente aberto para investimento estrangeiro: infraestrutura do transporte. Há muito trabalho a fazer para preparar o Rio para a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016".
Atribuam ao chamado "smart money" as pressões para que o vice de Dilma seja o atual presidente do Banco Central, Henrique Meirelles. Mas não passa pela cabeça de ninguém, em Nova York, Paris ou Londres, que a candidata de Lula incorpore algo que não seja "mais do mesmo", independentemente do vice.
Não se trata, de qualquer forma, de "wishful thinking", já que a empresa vive de acertar seus prognósticos.

E fica assim, por ora!

3 comentários:

  1. Seu TAE comunista! A Dilma ou o Serra representam o mesmo do mesmo. Sou filiado ao PT a pelo menos 11 anos e envergonhado não voto mais nesse partido enquanto o grupo do Lula não deixar o Planalto.

    ResponderExcluir
  2. Pois então, Historiador viajante, já que a nossa realidade concreta não permite atos revolucionários no momento atual, devemos prosseguir vagarosamente, num rumo notadamente progressista, longe de ser perfeito, mas igualmente progressista. Novos desafios surgem e novas questões também. Creio que um terceiro mandato petista seja palco de avanços importantes e necessários.
    Mas isso, só a história dirá.
    Melhoras! E volte logo à ativa, ok!
    Não desanime, é preciso continuar sonhando.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com você TAE, o PT vai revolucionar o Brasil, vê se nõ cuida do blog no trabalho que isso é despedício de dinheiro público,kkkkkkk. Um abraço!

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog

É Covardia!